Você pode até não ter pensado antes, mas fazer um seguro para a reputação da sua marca é estratégico e urgente. Estamos na era da visibilidade radical, onde acionistas, consumidores e colaboradores querem, além de estar “por dentro” do nosso impacto e posicionamento, querem opinar. Ficar de fora representa um risco muito grande, além de andar na direção contrária da tendência de comunicação corporativa. Ser transparente em uma plataforma independente é um seguro para qualquer momentos de crise.

Quem mudou para o ESG foi o consumidor final

Se você ainda não entendeu que quem mudou para o ESG foi o consumidor final é bom ficar muito atento. Quem trouxe essa percepção, além de inúmeras pesquisas, foi a Luiza Helena Trajano que falou recentemente no Retail Trends.

eumostro transparência esg consumidor final reputação de marca
Luiza Helena Trajano: “Quem mudou para o ESG foi o consumidor final”

O consumidor, inclusive, além de querer saber qual o propósito por trás das marcas, não vê problema algum em utilizar as redes sociais para mostrar seu descontentamento. Em outras palavras, as redes sociais podem alavancar, ou destruir, sua marca.

Use a transparência como um porto seguro

Uma das melhores formas de se proteger, ou até mesmo, em casos de crise, desenvolver ações de contenção, é utilizar-se da transparência como forma de proteção. Isso é tanto verdade que a recente pesquisa da PPI aponta que 84% dos consumidores brasileiros entrevistados perdoariam um eventual erro de uma empresa que sempre se comportou de forma ética e responsável.

É importante entender que erros acontecem e estamos sujeitos que eles ocorram com qualquer um, seja um executivo, seja um colaborador temporário. O importante é que, quando isso acontecer, tenhamos uma base de referência e storytelling consistente que apontam que o erro não é “o padrão” da empresa. Esse trabalho de manter a comunicação do posicionamento e ações de impacto da agenda ESG não é fácil, mas seguramente mais barato do que qualquer ação de controle de crise que sua empresa possa enfrentar. Assim, é importante que você reflita e faça um seguro para a reputação da sua marca.

Faça um seguro para a reputação da sua marca com a eumostro

Você pode até não gostar, mas é estratégico fazer um seguro para a reputação da sua marca. Em momentos de crise a eumostro serve como uma referência de posicionamento e consistência de ações da sua agenda ESG. É uma plataforma independente que, além de servir como forma de reporte do seu impacto social, ambiental e de governança, também coleta o feedback constante do mercado. Além disso, como toda plataforma de transparência, há um canal de denúncia para que consome a informação, possa entrar em contato com a plataforma e solicitar mais explicações sobre um tema mostrado.

É importante destacar que os demais canais já utilizados (Relatórios de Sustentabilidade, indicadores, redes sociais etc) sempre vão existir, mas com a finalidade de reportar aos investidores ou comunicar, de forma esporádica, o público em geral. A eumostro é a única plataforma focada em reporta o ESG para o seu consumidor, com uma linguagem que conecta o impacto com indicadores, produtos, serviços e projetos. Além disso, coleta e apresenta evidências da sua cadeia de valor.

Em qualquer situação de crise você terá um local para mostrar que seu propósito e ações em prol da agenda ESG é consistente. No fundo, funciona como um seguro que esperamos nunca usar, mas que é preciso ter.